sábado, 5 de agosto de 2017

Desconectada das pessoas, desabafo louco...(vai passar!)

Eu pensava que eu fosse o elo de muitas ligações, pessoas, sentimentos, da construção de um futuro, se um sonho de tantas outras coisas que agora nem consigo lembrar.
Habitualmente escreveria coisas que fariam as pessoas se sentirem melhoras, ou buscasse esse tipo de escolha.
Sempre achei que tinha vindo ao mundo para ajudar os outros, para servir, para ser o degrau que fazem as pessoas subirem.
Pouco pensei em mim, no meu futuro, nas coisas que eu gosto, já nem lembro mais do que eu gosto.
Uma explosão de sentimentos vem e vai. Sempre cobrei muito de mim em fazer o melhor para os outros ou harmonizar o que está desharmonizado.
Agora não estou conseguindo lidar com nada, me sinto péssima de ter alguns pensamentos. Me cobro em tentar visualizar um futuro...ter um plano. Mas não estou querendo mais nada.
Nenhuma dificuldade geraria em mim tamanha bagunça na minha cabeça.
Eu não estou me importando mais com mais nada.
Realmente nem sei se é assim que estou agindo...nem faço idéia de como as pessoas me veem...
Alguém me conhece realmente?
Devo ser grata, pelo o que?
Essa dormência da minha esperança está interferindo tanto assim?
quando acho que estou recomeçando algo, volto novamente para a estaca zero...
Existe um tipo de tanque que pudéssemos medir o quanto usamos de paciência, de tolerância???
Se existe posso dizer que a minha carga acabou...estou perdendo o controle da negatividade. Porque isso tá acontecendo, quando vou melhorar? Porque isso tudo ou esse nada está acontecendo comigo?
Porque tantas perguntas soltas?
O que desejo...
paz
suavidade nas emoções
vida leve
bom humor
confiança emocional

Hoje fico assim meio perdida.
Amanhã as idéias vão se organizar.

Seja valente...seja forte...siga em frente!


domingo, 7 de maio de 2017

Seja seu coração...ame!

O amor nasce quando você sente tudo diferente.

Você suspira e sente tudo diferente...
fecha os olhos e sente...
sente...
entra no coração e logo você percebe que é diferente.

Quando você sabe se aquele moço ou a moça é a pessoa certa para seu amor?
É quando o que vocês sentem é um amor que faz bem,
amor do bem...
que seja muito bom para os dois.
Isso mesmo amor do bem, que desperta e cultiva seu melhor.
Somos todos imperfeitos e não precisamos de outra pessoa para ser melhor,
Maaaaas muitas vezes quem alimenta o melhor de nós mesmos,
é quem tem capacidade de nos ver com a pureza de quando nascemos...
sem pré-conceitos,
sem check lists,
sem tabus.

O amor muda nossos planos, nos faz ir além...
Nos faz sentir alguém mesmo que não esteja perto...
cria uma ligação que fica incapaz de descrever...
mas por experiência própria é um elo de forte com sensações incontáveis...

Quem nunca...amou mais de uma vez?
Quem nunca descobriu o amor em toda sua pureza?
Quem nunca quis sentir toda intensidade que o amor do bem nos desperta?

Quem nunca...
As mentes doentes nem imaginam o poder de cura do amor.

Viva...perfeitamente o amor com toda sua positividade, transforme a negatividade em amor.
Se ame
Ame
Seja seu coração, permita que o amor do bem entre e fique!

"Coloque seu coração em sua razão!"


Quando recebi essa foto, fiquei tão tão feliz 
que reavivou em mim a vontade de falar de amor novamente.
Ele é diferente dela,
Ela é diferente dele,
Mas sabe o que uniu eles?
O amor em toda sua pureza...
o amor com o encanto de tantos bons sentimentos que juntos eles alimentam.
Cada frase que ouvi deles, me fez amá-los.
Nunca ouvi ele dizer que tinha dúvidas de que é ela.
Nunca ouvi ela dizer que tinha úvidas de que é ele.
Eu sei...e só porque já vivi isso,
 eu jamais poderia duvidar desse amor.
Amor do bem, que faz bem!
Obrigada por me encherem ainda mais de amor...
por fazerem de mim uma madrinha feliz do amor de vocês.
Aline e Bitar desejo amor e longa vida à vocês!

sábado, 24 de outubro de 2015

Você está preparado?



Você já ouviu essa pergunta: "Você está preparado?"
Existem diversas situações na qual você será questionado sobre isso. Geralmente a reposta é baseada no entusiasmo momentâneo ou quanto você aceita que novos desafios ou novos rumos que sua vida pode dar.
Certa vez uma amiga disse que queria se separar e a primeira coisa que perguntei era se ela estava preparada para ver seu parceiro nos braços de outra. É estranho mas ela não estava, ou seja, não havia esgotado todas as oportunidades de tentativas,
O mesmo serve para falar da sua carreira, você está preparado para novos desafios? Seja promoção, ou mudar de área de atuação, ou comandar um equipe ou até mesmo estar preparado para se tornar um workaholic. 
Você está preparado para deixar seu filho errar? Ou aprender sozinho? Você está preparado para ser menos super protetor e permitir que algo não seja controlado por você?
A preparação é o exercício prático ou teórico de se antecipar a algo. Estar preparado é exercitar-se antecipadamente ao que virá pela frente. Seria como premeditar situações e se preparar para agir da melhor forma que conseguimos.
Se você está preparado, então siga em frente...e se mesmo assim tudo não sair como esperava continue a tentar.


quinta-feira, 9 de julho de 2015

Fotografando tudo que vejo pela frente.

 Pranchas flutuantes


Projeto Tamar

Perfil Lika´s

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Escrevendo um pouco de tudo

Dois mil e treze - Escrevendo de tudo um pouco
Já se passaram 31 dias e a vida é notavelmente rápida. Há mais de um ano que não escrevo e sinto muita falta de me expressar. Muitas coisas aconteceram em minha vida. Algumas pessoas eram tão próximas e agora estão tão distantes. Outras me surpreenderam pela proximidade e assim, deu início a uma nova etapa.
Nem sempre uma nova etapa significa fazer tudo diferente. As vezes vivemos as mesmas coisas...porque tem coisas que são sempre...e adoroooo, família, amor, amizade e a bondade. As pessoas vão se acrescentando...o convívio vai somando experiências, novas percepções, vamos moldando alguns sonhos ou vamos priorizando outros. O legal é estarmos sempre de antena ligada mas com a serenidade de respeitarmos a nós mesmos e aos outros.

Tristeza e sensibilidade

As notícias que ganham destaques em nossas rotinas, geralmente são as mais trágicas porque na maioria das vezes, ficamos chocados e tentando entender porque certos acontecimentos são tão cruéis. Fiquei indignada em meu silêncio assistindo as mortes dos adolescentes por imprudência, ou seja lá qual for o nome que a justiça vai dar a tanta tristeza. Verdade seja dita, nunca estamos preparados para os nossos próprios desafios, então como vamos preparar nossos filhos para os desafios que eles enfrentarão durante a vida?

É quase impossível não se colocar no lugar desses pais que perderam seus filhos...dos amigos que não se salvaram, dos heróis que puderam rapidamente salvar os conhecidos e desconhecidos. Num momento tão complicado nós como espectadores sofremos juntos, oramos e ficamos ainda mais sensíveis em meio de tanta fumaça tóxica. A Santa Maria...aos que se foram naquele dia triste a minha oração.
"Algumas estrelinhas chegaram a céu, talvez antes do momento que o Senhor havia planejado,
Mas o importante é que estão contigo. Com certeza não foram só eles que deixaram de viver, a vida perdeu eles. Senhor por mais que a dor desses dia não passe, permita que tenhamos sabedoria para transformar esse sentimento em atitudes boas. Proteja quem mais precisar e obrigada por mais esse dias e pelas coisas que esqueço de agradecer. "




terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Sensações, emoções e brigadeiro

Começo esse post com a sensação de que sempre posso fazer mais ou algo mais. Sempre me cobrando de estar fazendo melhor, de pensar melhor antes de falar, de agir mais...
Observo que algumas pessoas agem como se já estivessem no seu máximo de esforço, demonstram desânimo no processo da conquista de objetivos pessoais e de vida. Certamente, acham que se pedir vai cair do céu, talvez por que sempre tiveram seus pequenos desejos atendidos por pessoas que ao invés se ensinar a pescar, simplesmente deram o peixe. Essas pessoas que deram o peixe, já aceitaram a pessoa que pede como "pessoas incapazes" de conseguir algo por si só, assim com o tempo as dão o peixe em mãos por costume ou por culpa por não ter-lhe ensinado nada. Ou param de dar o peixe porque não há mais graça ou motivo inspirador para isso.
As emoções de quem sempre quer se superar se mistura com as que estão no auge do seu esforço. Eu vejo que as pessoas que ganharam o peixe a vida toda, podem aprender a pescar, a fazer uma rede ou uma vara e mandar ver!!!
Sou positiva demais?
Eu abri mão de algumas coisas que estavam em meus planos, mas não os esqueci, estou dando uma volta um pouco maior do que o planejado, porque no momento minha família pede mais de mim. Porém, caminhando devagar, mas para frente.
Reconhecimento, é algo raro hoje em dia.
Valor é algo que estão dando a coisas e não as pessoas.
Compartilhar atualmente é a competição de quem coloca mais post para as pessoas que aceita no perfil, dizendo que você está indo na manicure, que piscou duas vezes seguidas ou porque bateu o joelho na mesa. Fala sério! E tem gente que você nem lembra quem é que fica "curtindo" esses comentários.

As emoções estão tomando um rumo muito estranho. Compartilhar não significava participar de um momento com as pessoas? Ter a lembrança daquele instante inesquecível?

A sensação que tenho no momento é que a incapacidade momentânea ou não, de alguém ser o que deseja está empobrecendo as emoções dos humanos. Somos caridosos em ajudar pessoas desconhecidas, adotar cãezinhos perdidos, mas não nos importamos com as pessoas que está conosco?  Contraditório não é mesmo?!

Quantas vezes ouvimos de nossos pais: "Estude mesmo, não mate aula, faça um curso de inglês..."
Essa ladainha toda sempre é porque eles querem que nós alcancemos nossos objetivos e sejamos pessoas felizes. Tudo depende do que focamos. Ajuda muito conversar com as pessoas que querem nosso melhor, que são nossas esposas (os), nossos pais ou irmãos. Essas pessoas estão sempre com os pompons nas mãos prontos para vibrar a cada conquista sua.
Conforme vamos crescendo vamos assumindo muito mais compromissos do que esperamos. E isso vai acontecendo naturalmente. De fato nos transformamos em bebês, assim passamos a ser crianças sapecas, de crianças nos tornamos estudantes, de estudantes viramos trabalhadores, e tudo que vem agora são somas.
Então, cuide para que constantemente suas sensações sejam boas, para que se tornem sentimentos que fazem bem.
Zele, cuide, ame com valor quem te ama, porque que quem te ama, te ama do jeito que você é e sabe tem potencial para chegar onde desejar. Literalmente é quem te empurra para superar seus medos.
Saúde é o que importa e o amor é o que faz a diferença, seja determinado vá em frente.
Misture as sensações com as emoções, faça um brigadeiro bem gostoso e coma!!!


sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Chuvas e solidariedade

A chuva é muito importante. Porém, a quantidade de chuva que tem caído nos últimos dias tem destruído não só os lares, mas também família inteiras, animais e algumas vezes a esperança. Amigos, parentes, vizinhos...todos aqui num momento e quando menos esperamos se vão com as águas.
O que fazer neste momento?


Cada pessoa ajuda como pode, se você quer ajudar e não sabe como, então comece procurando Centros de Apoios Operacionais da região. Envie água, produtos não perecível e produtos de higiene. Roupas, sapatos, cobertores e muito mais podem fazer toda diferença. Você pode fazer essas doações em postos autorizados, supermercados (como Extra, Pão de Açúcar, Compre Bem etc), postos da Polícia Militar, Polícia Rodoviária, Corpo de Bombeiros, Legião da Boa Vontade e Cruz Vermelha. As doações serão encaminhadas para Defesa Civil para serem distribuídas paras as vítimas das enchentes.

Seja um cidadão solidário!




 Quer ser vonlutário? Veja como: